Bienvenido a Cuidatumiembro.com - Maximice sus resultados.

Fonte: Dr. Salguero Revisado por Dr. Salas (Urologista)
Urologista e sexólogo de Aumentodopenis.net (nº Ordem dos Médicos: 4517 - 9)
(nº Ordem dos médicos: 22831)

Mar. 14, 2010. Realmente os extensores são muito eficazes para conseguir um pénis maior se lhes dedicar o tempo necessário especificado pelos fabricantes. O seu funcionamento e resultados foram comprovados por estudos, mais ou menos minuciosos, que demonstram a eficácia destes produtos. Normalmente os extensores mais prestigiados são classificados como Aparelho Médico de Tipo 1, e ostentam a certificação CE para poderem ser vendidos com todas as garantias na Comunidade Européia e no resto do mundo.

Consiga 3 vídeos grátis
Somente durante o dia de hoje, consiga 3 vídeos de exercícios
para aumentar o pénis de forma natural

Existem vários tipos e marcas de extensores disponíveis no mercado, ainda que, tal como acontece com as pílulas, existem diferenças substanciais entre uns e outros. A maioria dos fabricantes conta com o aval de prestigiados urologistas e médicos especializados de todo o mundo. O seu uso está aprovado pelas Autoridades Sanitárias da União Européia e está registado no Ministério da Saúde da Espanha.

Descobre os melhores extensores para o aumento do pénis

Como funciona?

Este método baseia-se no principio médico da tracção que, efectuada de forma gradual e progressiva sobre o pénis consegue um crescimento dos tecidos do mesmo, tanto do ligamento suspensório como dos corpos cavernosos e dos restantes tecidos. O princípio da tracção aplica-se na expansão tecidual na cirurgia plástica, o qual gera pele para cobrir defeitos cutâneos, queimaduras ou zonas de calvície. Também se aplica na distensão óssea para o aumento de diáfises ósseas de membros e falanges. Em culturas ancestrais este princípio utiliza-se para conseguir alongar diferentes partes do corpo, como o pescoço na tribo Paduang da Birmânia (as mulheres-girafa), ou como os lábios ou orelhas em tribos africanas ou amazônicas, que colocam próteses ou pesos para aumentá-los.

Existem vários tipos de extensores, ainda que a maioria seja composta por um anel de plástico conectado a duas varetas metálicas e dinâmicas nas quais é encaixado um suporte de plástico com uma borracha de silicone para sustentar a glande. Você mesmo pode colocá-lo e tirá-lo, e pode usar-se de forma discreta por baixo da roupa, enquanto anda ou até mesmo sentado.

O aparelho coloca-se quando o pénis está em estado flácido, e deverá usar-se entre 4 a 9 horas por dia, descansando quando assim o desejar. Consegue-se um crescimento de meio centímetro por mês, sendo estes cumulativos. Deverá utilizá-lo entre 4 a 6 meses, de acordo com o crescimento que deseje. Uma vez finalizado o tratamento, os centímetros conseguidos serão reais.

Que resultados posso conseguir?

  • Aumento permanente do pénis entre 3 a 4 cm, quando erecto.
  • Aumento permanente do pénis entre 3 a 4 cm, em estado flácido.
  • Engrossamento de 1 cm.
  • Correcção de 40% da curvatura do pénis (Peyronie).
  • Aumento da confiança e progressiva melhoria das relações sexuais.

CONTRA-INDICAÇÕES

Segundo os médicos que supervisionaram as nossas comparações, o uso deste tipo de dispositivos não tem nenhuma contra-indicação, sempre e quando se sigam devidamente quer as indicações médicas, quer as indicações de uso.

Os extensores não se podem usar se existiu uma cirurgia ao cancro da próstata ou de um tumor na zona urológica, se existe um varicocelo ou prostatitis o alguma doença de transmissão sexual.

 

A informação na nossa página web tem apenas o objectivo de informar os nossos leitores sobre tratamentos, conselhos e notícias relacionadas com o pénis. Em caso algum esta informação pretende substituir o conselho ou relação necessária entre médico e paciente. Cuidatumiembro.com não é responsável pelos danos que possa ocasionar a utilização de qualquer tratamento ou informação sem a prévia autorização de um médico especialista. A utilização de qualquer informação desta página web sem a supervisão de um médico profissional será entendida como auto-medicação.